Adicione o Javascript para Visualizar os Comentários.

Culinária do Paraná: Doces de Dar Água na Boca.




Imagem: Receitas Cyber Cook

A culinária paranaense dá um toque especial aos doces tradicionais. Pinhão, passas, milho, uva, nozes e mel silvestre são alguns dos ingredientes que garantem originalidade e um sabor especial às receitas.


Conheça a seguir doces de dar água na boca:



1. Bolacha de Araruta

A araruta é uma planta que pode ser usada com fins medicinais, mas também muito apreciada na culinária. Sua fécula é utilizada em mingaus, bolos e biscoitos. Na Lapa, a bolacha preparada e vendida na Casa do Biscoito virou atrativo para turistas brasileiros e estrangeiros




2. Bolinho de Polvilho

Sabe aquela receita simples, fácil de preparar e que cai perfeitamente com o café no final da tarde? Assim é o bolinho de polvilho, iguaria bastante conhecida no litoral paranaense. A mistura leva apenas polvilho, ovos, açúcar e fermento e, levada ao forno , não demora mais que 15 minutos para ficar pronta."




3. Bolo de Pinhão

Não existe produto mais típico da culinária paranaense que o pinhão. Além de degustado cozido e assado, o fruto dos pinheirais também é o ingrediente principal de muitas receitas, como a do Bolo de Pinhão, preparada no sul do estado. A receita tradicional de bolo ganha um toque especial com o pinhão cozido e moído.




4. Cuca Alemã

Trazida pelos pioneiros, a Cuca Alemã é consumida ainda hoje em muitos lares de Marechal Cândido Rondon. Transmitidas de mãe para filha, as receitas têm os mais diversos recheios: ricota, uva, groselha, amendoim, chocolate, ou apenas a farofa como cobertura. Está sempre presente em festas com churrasco.




5. Kutchiá

Em Prudentópolis, assim como em toda a comunidade ucraniana, no Natal existe o costume de preparar 12 pratos para o jantar. Os pratos doces são poucos e um deles é o Kutchiá, uma mistura de trigo em grãos com mel, que também leva amendoins ou nozes picadas. Tradicionalmente é servido como entrada, não como sobremesa.




6. Mbojape

O nome vem da língua guarani e significa bolo de milho. Não o bolo que estamos acostumados a comer, assado no forno, mas uma massa feita com o milho verde socado no pilão e aquecido nas brasas de uma fogueira. Os guaranis costumam prepará-lo no batismo das crianças, servindo-o com mel silvestre.




7. Pudim de Pinhão

Mais uma sobremesa à base de pinhão. Além do fruto moído no liquidificador, a receita leva também passas deixadas de molho no rum. A combinação dá ao pudim um sabor diferenciado, legitimamente paranaense.




8. Streichkäsestrudel

O nome complicado para aqueles que não estão familiarizados com a língua alemã quer dizer strudel de requeijão. O strudel é uma massa folhada típica da culinária germânica, que pode levar diferentes tipos de recheio. Na região do município de Rio Negro, o de requeijão é o que faz mais sucesso.




Fonte: "Pratos Típicos Paranaenses" Cadernos Paraná da Gente nº 1, editado pelo governo do Paraná







Sobre Nós

Situada ao lado Módulo Policial de Santa Felicidade, em Curitiba a Panetteria está aberta todos os dias do ano das 6:30 às 21:00h com pães, doces e salgados tradicionais e especiais, saindo a toda hora.